Minichamps Brawn GP BGP 001 1:43.

Essa é a miniatura da Brawn GP BGP 001 Mercedes-Benz que correu no GP da Austrália 2009 com o brasileiro Rubens Barrichello.

Antiga equipe Honda, que Ross Brawn assumiu após a crise mundial de 2008, o sucesso desse carro foi o difusor duplo aliado ao poderoso motor Mercedes.

Rubinho chegou em 2º lugar numa corrida em que a Brawn GP conseguiu repetir o feito da Mercedes-Benz de 1954 que fez pole-position e ganhou a corrida na sua estreia.

Fonte: https://en.wikipedia.org/wiki/2009_Australian_Grand_Prix

DSC_5478

Tamiya Ferrari F2001 Full View 1:20.

Esse é o kit da Ferrari que correu o mundial de 2001 com Michael Schumacher e Rubens Barrichello.

Projetado por Ross Brawn e Rory Byrne em torno das mudanças do novo regulamento que estabelecia uma asa dianteira mais alta para reduzir a pressão aerodinâmica.

Schumacher ganhou 9 corridas (Austrália, Malásia, Espanha, Monte Carlo, Alemanha, França, Hungria, Bélgica e Japão) e foi campeão pela 4ª vez com 123 pontos.

Barrichello terminou na 3ª colocação com 56 pontos.

A Ferrari foi campeã de construtores com 179 pontos.

Um versão melhorada correu as 3 primeiras corridas de 2002 ganhando na Austrália com Schumacher.

Fonte: http://en.wikipedia.org/wiki/Ferrari_F2001

DSCN5421

Tenho também a versão original desse kit.

gfgf 049

Ferrari F1 Collection nº 50 – F310B.

Essa é a miniatura da Ferrari F310B que correu em 1997 com o irlandês Eddie Irvine.

Projetado por Rory Byrne e Ross Brawn usando como base a F310 que John Barnard projetou no ano anterior.

Irvine teve um segundo lugar no GP da Argentina como melhor resultado e terminou o campeonato na 7ª colocação com 24 pontos.

A Ferrari foi vice-campeã de construtores com 102 pontos.

Fonte: http://en.wikipedia.org/wiki/Ferrari_F310

DSC_5014

Um vídeo com as 3 voltas finais do GP da Argentina.

 

Academy Benetton B195 Renault 1:20.

Esse é o kit da Benetton B195 Renault que correu em 1995 com o alemão Michael Schumacher e o inglês Johnny Herbert.

Projetado por Rory Byrne e Ross Brawn, é basicamente o mesmo modelo de 1994 e a equipe conseguiu fazer uso dos motores Renault através da compra da equipe Ligier por Flavio Briatore e Tom Walkinshaw.

Schumacher venceu 9 corridas (Brasil, Espanha, Mônaco, França, Alemanha, Bélgica, Europa, Pacífico e Japão) ficando com o título de pilotos com 102 pontos.

Herbert venceu 2 corridas (Inglaterra e Itália) terminando em 4º lugar com 45 pontos.

A Benetton foi campeã de construtores com 147 pontos.

Fonte: http://en.wikipedia.org/wiki/Benetton_B195

agfgf 009

Ferrari F1 Collection nº 44 – F2004.

Essa é a miniatura da Ferrari F2004 que o alemão Michael Schumacher correu em 2004.

Projetado por Rory Byrne, Ross Brawn e Aldo Costa, com base na F2003-GA, marcou o final da era vitoriosa iniciada em 1999 que ganhou 6 títulos de construtores e 5 mundiais de pilotos.

Schumacher venceu 13 corridas (Austrália, Malásia, Bahrain, San Marino, Espanha, Europa, Canadá, EUA, França, Inglaterra, Alemanha, Hungria e Japão) e foi campeão com 148 pontos.

A Ferrari foi campeã mundial de construtores com 262 pontos.

Fonte: http://en.wikipedia.org/wiki/Ferrari_F2004

DSC_4987

Um vídeo do teste desse modelo em Fiorano.

 

Revell Benetton Ford B194 1:24.

Esse é o kit da Benetton Ford B194 que correu em 1994 com o alemão Michael Schumacher, o finlandês J. J. Lehto, o holandês Jos Verstappen e o inglês Johnny Herbert.

Projetado por Rory Byrne e Ross Brawn, foi uma atualização do modelo B193 sem a ajuda eletrônica que foi banida para o mundial de 94.

O carro estava muito competitivo nas mãos de Schumacher e as outras equipes suspeitavam que o B194 não era legal, devido à alta competitividade de um carro de fraca potência.

A FIA abriu uma investigação e um programa de start sequence (launch control) foi descoberto no sistema do computador de bordo, mas sem controle de tração.

No fim, o órgão não conseguiu provar se o sistema foi usado e as queixas foram retiradas.

Schumacher venceu 8 corridas (Brasil, Pacífico, San Marino, Mônaco, Canadá, França, Hungria e Europa) e foi campeão com 92 pontos.

Verstappen foi o 10º colocado no mundial de pilotos com 10 pontos.

Lehto foi o 24º colocado com  1 ponto.

Herbert terminou o ano “zerado”.

A Benetton foi vice-campeã de construtores com 103 pontos.

Fonte: http://en.wikipedia.org/wiki/Benetton_B194

agfgf 004

Hot Wheels Ferrari F2003-GA #2 1:18.

Essa é a miniatura da Ferrari F2003-GA que Rubens Barrichello correu em 2003.

Projetado por Rory Byrne e Ross Brawn baseado na Ferrari F2002, foi designado “GA” como sinal de respeito a Gianni Agnelli o recém-falecido presidente da FIAT.

O carro fez sua estréia no GP da Espanha e era rápido e competitivo, mas com uma tendência ao uso excessivo de pneus.

Rubinho venceu 2 corridas (Inglaterra e Japão) terminado o campeonato na 4ª colocação com 65 pontos.

A Ferrari foi campeã de construtores com 158 pontos.

Fonte: http://en.wikipedia.org/wiki/Ferrari_F2003-GA

DSC_3509

DSCN5548

DSCN5549

%d blogueiros gostam disto: